Tudo o que você precisa saber sobre Placa preta

Você já deve ter visto na rua ou em algum evento um carro com placa preta, mas afinal o que ela significa? Que carro pode ter essa placa e por que um monte de antigomobilistas são malucos para ter uma dessas em seus carros?



A Placa preta é mais do que apenas a troca da cor de seu carro, ela significa que seu carro atualmente é um retrato fiel de como ele saiu da fábrica. Para obter placa preta é necessário que seu carro tenha mais de 30 anos, pelo menos 80% de originalidade e que esteja em bom estado. Além disso existem algumas particularidades que podem ser decisivas para que seu carro possa ou não ser certificado pela placa preta:

– Cor: é obrigatório que a cor do veículo corresponda a do ano em que ele foi fabricado.

-Motor: não são permitidas alterações como por exemplo turbo, carburação preparada, motor diferente do original (motor 2.o em carro originalmente 1.6)

-Rodas: rodas esportivas modernas ou outro tipo de rodas que não correspondam com o original reprovam o veículo.

-Teto Solar: só nos veículos que eram equipados de fábrica

-Tapeçaria interna: deve seguir o padrão original, qualquer alteração é excludente.

-Estado de conservação: Veículos com amassados, ferrugem, mal conservados não são contemplados com a placa preta.

A certificação deve ser feita somente com clubes cadastrados e autorizados pelo Denatran para tal procedimento, assim como Kombi clube do Brasil. Se você for comprar um veículo que possui Placa Preta, EXIJA o Certificado de Originalidade.

Existem veículos que ostentam a Placa Preta mas que não tem a mínima condição de ostentá-las, seja pelo estado de conservação ou seja pelas modificações realizadas, mas isso é assunto para uma próxima coluna, onde abordaremos o assunto de forma mais específica.

Por Helder Sobrêda

Um comentário em “Tudo o que você precisa saber sobre Placa preta

  • 6 de Fevereiro de 2017 a 02:19
    Permalink

    Já vi Zé do Caixão rebaixado, com rodas de Porsche e teto solar ostentando a placa preta.
    Fico curioso para saber como o proprietário de um carro o completamente fora das especificações originais consegue a placa preta.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *